sábado, 26 de dezembro de 2009

VENCER














Pense grande...
Se fores... um aventureiro, sair floresta adentro como um bandeirante,
não garimpe turmalinas, procure encontrar as esmeraldas.
Se fores... alpinista suba a sentinela de pedra, o Monte Aconcágua nos Andes,
apenas como parte de seu aprimoramento, depois, almeje chegar ao rosto do céu,
lá pelas bandas do Himalaia... alcance o topo do mundo, o Everest.
Se fores... um velejador, treine na lagoa Rodrigo de Freitas, no Rio,
mas prepare seu barco para enfrentar o Atlântico, rumo ao velho mundo.
Se fores... um atleta não esqueça que um milésimo de segundo, um apenas,
vale mais que uma hora, para quem quer chegar e vencer.
Comece agora a ser o melhor, cresça, desafie o seu destino.
O universo só lhe cobrará, se você não tentar... e ele nunca lhe dará limites.
Reinvente seus vôos, seus sonhos, amplie o horizonte da sua alma, agora.
Seja o melhor no que faz, vença todos os dias, em todas as circunstâncias.
Conquiste, sem humilhar o vencido... supere, sem menosprezar o derrotado.
Ao amealhar suas coisas, o faça sem as subtrair de outrem.
Saiba usar jóias sem ostentá-las, que elas sejam apenas um adorno a sua beleza.
Que seu dinheiro não seja instrumento de poder, apenas resultado do trabalho.
Que saiba respeitar os subalternos, os indivíduos e suas diferenças,
e principalmente entender que os outros também vencem, não os inveje.
Pense grande...mas, descubra a grandeza das pequenas coisas, observe,
as borboletas... tenha amores, sinta o vento, o sol, e o perfume das flores.
Mas, que nessa trajetória vença com humildade, suba no topo, comemore,
não deixe ser acometido pela vaidade...ela poderá ofuscar sua vitória.

Ari Mota

4 comentários:

Lara Amaral disse...

Sem dúvida, a vaidade ofusca muitas belezas da vida.

Beijos e bom fim de semana!

Carmem L Vilanova disse...

Ari amigo,
Espero que teu Natal tenha sido de glorias e alegrias, alem de muito amor.
Estive ausente por uns dias por motivo das festividades, mas ja' estou de volta!
Beijos, flores e muitos sorrisos!

Ana Cristina Cattete Quevedo disse...

Ari, que bela lição para toda uma vida!
Há de se ter humildade para conseguir concretizar feitos, e pensar sempre adiante, para eternizá-los

Obrigada!

Norma Villares disse...

Muito obrigada pelo revisão. Já retifiquei o texto. Muito obrigada pela visita e comentário.
Estou seguindo seu blog, gostei muito.
Vou ler seus posts.

Feliz Ano Novo!
Que a capacidade de resilência faça brotar em seu coração a compaixão.
Precisamos muito da compaxão!
Melhores abraços