sexta-feira, 26 de fevereiro de 2010

O REGENTE













Transite pela vida com reservas, olhe com ternura,
mas desacredite em palavras prontas.
Evite os que manipulam sentimentos, lidam com facilidade com as palavras.
Evite os que querem reger seus passos e sonhos.
Evite as invencionices sociais, conceitos pífios e regras tendenciosas.
Evite ter que decidir em segundos... na vida sempre haverá um amanhã,
e depois do sol, quando a alma repousar, encontrará a verdade...
nem que seja somente a sua.
Evite os gritos, os desesperos e desesperados.
Ame o silêncio...
Transite compassadamente pelo dia... sem medo.
Não olhe com superioridade e não permita que o façam com você.
Transite como um regente da própria vida.
Seja o maestro dos seus sonhos, direcione a batuta para a sua alma.
Componha a sua melodia, transcreva a sua partitura,
e que em versos possa apresentar no palco da vida... o seu show.
Transite pela vida como uma estrela em noites de luar.
Seja o maestro de si mesmo.
Com amor.

Ari Mota

6 comentários:

Sonhadora disse...

Ari
Lindo e verdadeiro texto.
gostei muito de ler.

Beijinhos
Sonhadora

Canduxa disse...

Quando temos consciência que somos feitos da mesma matéria que as estrelas não mais deixamos de brilhar... somos o nosso próprio mestre, fazemos as melhores escolhas e continuamos a sonhar.
Vivemos apenas a nossa verdade, aquela que nos faz sorrir e ser felizes.

Belo texto.

Um abraço com amizade

Juliana Lira disse...

Vou tentar, vou tentar...


Milhões de beijos

Sonia Pallone disse...

Pra você meu querido, o eco de milhões de aplausos...Beijos, bom final de semana.

Lara Amaral disse...

"Evite as invencionices sociais, conceitos pífios e regras tendenciosas."
"Não olhe com superioridade e não permita que o façam com você."

Frases marcantes, belo texto, Ari.

Abraços, bom fim de semana =).

* Luciana * disse...

Olá, Ari!

Que belo texto! Você conseguiu, com palavras minuciosamente escolhidas, transmitir muito bem o seu recado.
Muito inspirador!
O seu blog, em si, é muito inspirador.

Um abraço!