sexta-feira, 19 de fevereiro de 2010

A ALMA



Falta-lhe... ouvir a alma.
Esta angustia que carregas no peito,
é a desconexão que tens com ela.
Escute-a, seu sinal é quase impercebível,
sempre ela nos acena, sem cenas gestuais.
E as vezes, e sempre em metáfora,
fala conosco durante toda a vida,
e nós não a entendemos.
Sua alma não é uma sombra que te acompanha,
ela indelevelmente te sustenta.
Seu espectro na parede pode não representar sua imagem,
esteja em sintonia com suas vontades e desejos,
ela tende a nos levar a felicidade.
Você é apenas esta beleza exterior,
ela é a sua interior.
Se apegue a ela intensamente,
valse madrugada adentro... rosto colado ao dela,
ame-se fervorosamente,
apaixone-se loucamente,
entregue-se em abraços aos braços dela.
Caminhe suavemente nos entardeceres com suavidade.
Procure a paz que você merece e ela também.
Sua alma não é uma sombra que te acompanha,
ela é sua beleza interior.
Olhe para ela com ternura,
que ela te alicerçará eternamente...
com amor.

Ari Mota

5 comentários:

Ana Cristina Cattete Quevedo disse...

Conversar com a alma devereia ser exercício diário...

(já falei que amo seu "quem sou eu" - no teu caso - minha alma- ali do lado? Sempre que venho aqui, leio kkk - acho que até já decorei hehe)

=)

Sonhadora disse...

Ari
Lindo texto...o amor a alma.
Para reflexão.

Beijinhos
Sonhadora

Natalia Araújo disse...

Tens o talento de nos tocar profundamente.
Lindo demais.

Beijos.

Sonia Pallone disse...

Ser poeta é temperar com cores o nosso pensamento. Como vc sempre faz tão lindamente. Bj com carinho.

Denise disse...

Sintonia dos desejos é comunicação direta com os assuntos que só a alma é capaz de tratar...muito lindo Ari!

Boa semana!
Bjos