domingo, 23 de maio de 2010

UM NOVO OLHAR


Quando fores abordado pelo tédio, pela mesmice do cotidiano,
e achares que nada muda em sua vida.
É chegada a hora de confidenciar com sua alma, estes desvarios,
e ter um novo olhar para sua existência.
O transformar do seu existir, caberá a você fazê-lo.
Olhe para o passado e traga a pureza que se perdeu no tempo,
a esperança que escondida, reside na rudeza de um adulto,
mas ainda habita nos olhos de um menino.
Veja a vida de forma singela, a conceba sem impostura,
a viva sem hipocrisia, desmistifique a vaidade,
e não tenha a presunção de que és infeliz, coitado.
Olhe a vida como renovação, nada acabará... tudo continua.
Tenha um novo olhar para a sua existência,
dê uma forma nova ao seu dia, faça-o... como se fosse o último,
e sai como se fosse o primeiro de uma vida breve, de uma vida louca.
E cometa algumas loucuras...
Se não souber cantar, assobie... mas que a melodia possa trazer paz.
Se não souber dançar, pule... mas transpire quietação e simpatia.
Se... esqueceu como se ama, reaprenda com a inocência de uma criança.
Tenha um novo olhar sobre você mesmo,
o veja como um crescer... uma expansão,
tenha coragem de ser feliz...
aprimore o abraço, o afeto, o beijo.
Ame mais, declare mais, afague mais...
Arranque esta mascara colada a cara, sorria sem traços, sem cortes,
fale de amor, por amor, fale com os olhos... em silencio.
Olhe para a vida com um novo olhar,
um olhar de amor.

Ari Mota



4 comentários:

Denise disse...

Esse texto hj coube como luva para uma pessoa que amo muito, Ari. Foste um instrumento - muito bonito e sensível - obrigada, meu amigo!!

Uma semana serena para vc!
Abraço forte

Carmem L Vilanova disse...

Ari amigo!
Há tempos não vinha por aqui, mas hoje valeu a pena ter vindo...
Lindo, lindo, lindo! Como de costume!
Beijos, flores e muitos sorrisos!

Ana Lúcia Porto disse...

Verdade Ari,

Há dias em que o desânimo bate profundo e parece que não importa mais viver, como se nada fosse desconhecido ou importante mais. Grande egoísmo assustador esse. Temos que reagir imediatamente, não nos esquecendo que possuímos uma enorme riqueza dentro de nós. Principalmente, essa pureza pueril, que guarda a esperança...

Perfeito!!

Beijos e boa semana, ainda.

*Mundo Particular* disse...

Muito lindo esse texto e os demais.Expetacular seu blog , voltarei sempre que puder. Um grande abraço!!