sexta-feira, 20 de agosto de 2010

TRAVESSIA


Todas as vezes que mudei de caminho, alterei o rumo,
busquei um novo trajeto, ou avistei outra travessia...
encontrei o esplendor do talvez, do acaso.
Todas as vezes que o inusitado fez-me companhia,
e o incerto bateu em minha porta, convidando-me à uma aventura...
saí... em vôo,
como uma águia solitária que ganha os céus em busca da descoberta,
fiz minhas escolhas, desfilo com minhas decisões,
meus tropeços,
coloco riso na sisudez do medo, e gracejo nos enganos,
tenho... é obvio, que conviver com a solidão,
e saltar profundamente nos abismos do imprevisto.
Mudo a cada instante, faço da ocasião o agora, aconteço de súbito,
altero-me na concepção, inquieto-me na imaginação,
sou metamorfose em delírios, resiliência em demasia.
A mudança é um balsamo que me alivia,
a duvida um deleite que me aquieta,
delicio-me com novos olhares, com novos encontros,
novos lugares.
Assumo o risco de não possuir ancoradouro, ou de não ter uma paragem,
e não ter onde guardar coisas, e não ficar refém delas.
Procuro rampas que possam impulsionar meus vôos,
plano inclinado que possa lançar-me em devaneios.
Procuro despenhadeiro que me dê vertigens,
e sensações irresistíveis ao temor da perda.
Procuro sempre outras travessias...
pelas estradas dos nãos, minha alma encontrou os sins.
Se me procurardes por aí...
fui buscar com minhas escolhas o que me pertencia...
amor,
e já volto.

Ari Mota

6 comentários:

Marilu disse...

Querido amigo, é sempre bom estar em constante processo de renovação, abertos a outros caminhos, a outras travessias,ir em busca daquilo que nos pertence...Lindo texto...Beijocas

Angélica Lins disse...

Achei-me entre muitas de suas palavras, em especial nestas: "coloco riso na sisudez do medo, e gracejo nos enganos, tenho... é obvio, que conviver com a solidão..."

Abraço.

Elzenir Apolinário disse...

por que será que toda vez que venho aqui encontro algo que preciso ler e ouvir? Coincidências? Dizem q elas n existem! Bom final de semana. Bjs

Sonia Pallone disse...

Te ler é sempre um momento mágico!Você consegue isso quando junta as palavras e solta-as no coração da gente...Um beijo querido.

Denise disse...

Concordo com a Sonia, estar aqui é um momento de contato com emoções puras - e fortes.

Gosto da positividade, da transformação com caráter sempre positivo que vc aponta. Nem poderia ser diferente, em se tratando de um resiliente autor. Bravo! Lindo de viver. Encontrei-me nessas linhas...

Beijo e um domingo feliz!!

Hanukká disse...

Uma linda noite de paz, abraço.

Conversando com Deus.

Pedi força e vigor Deus me mandou dificuldades para me fazer forte
Pedi sabedoria Deus me mandou problemas para resolver
Pedi prosperidade Deus me deu energia e cérebro para trabalhar
Pedi coragem Deus me mandou situações para superar
Pedi amor Deus me mandou pessoas com problemas para eu ajudar
Pedi favores Deus me deu oportunidades
Não recebi nada do que queria,
Mas, recebi tudo o que precisava!